Homens brasileiros fumam e bebem mais do que as mulheres

BRASÍLIA - Em 2007, 16,4% dos brasileiros com 18 anos ou mais eram fumantes e 17,5% tinham consumido no último mês mais de quatro ou cinco doses de bebida alcoólica em uma mesma ocasião. Os números são da pesquisa Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), realizada pelo Ministério da Saúde.

Agência Brasil |

As capitais onde há maior incidência de fumantes são Porto Alegre (21,7%) e Florianópolis (20,2%). Em Salvador, está o menor percentual de fumantes, com 11,5%. Em todo o país, a prevalência de adeptos do cigarro é maior entre os homens (20,9%) do que entre as mulheres (12,6%).

Os homens também costumam consumir mais bebida alcoólica que as mulheres, segundo a pesquisa. Entre os entrevistados do sexo masculino, 27,2% disseram ter bebido mais de cinco doses em uma única ocasião. Entre as mulheres, o percentual foi de 9,3% e, para elas, o número limite de doses é quatro. Considera-se como dose uma lata de cerveja, uma taça de vinho ou uma dose de destilado.

A maior freqüência de consumo abusivo de álcool foi registrada em São Luís, onde 23,1% dos entrevistados admitiram ter ultrapassado o limite. O menor registro foi em São Paulo: 13,4%. A maior incidência entre as faixas etárias pesquisadas foi de 18 a 24 anos de idade, com 23%.

Entre 2006 e 2007, o percentual de indivíduos que consumiam bebidas alcoólicas abusivamente passou de 16,1% para 17,5%.

A pesquisa registrou também que a mistura entre álcool e direção esteve presente na realidade de 2% dos entrevistados. Esse foi o percentual de pessoas que disseram que costumam dirigir veículos motorizados após o consumo de mais que quatro ou cinco doses de bebida alcoólica. A incidência é maior entre os homens: 4%, enquanto 0,3% das mulheres admitiram ter dirigido depois de beber.

O Vigitel é feito por meio de entrevistas telefônicas realizadas por amostras em todos os estados brasileiros. Em 2007, foram feitas 54.251 entrevistas, entre julho e dezembro. O estudo é feito anualmente, desde 2006, com adultos maiores de 18 anos.

Leia mais sobre: saúde

    Leia tudo sobre: saúde

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG