Homem tenta invadir Palácio da Alvorada e é baleado

Um homem identificado apenas como Denis foi baleado pela segurança da Presidência da República ao tentar invadir hoje, por volta das 7h, o Palácio da Alvorada, residência oficial do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O presidente e a primeira-dama Marisa Letícia não estavam em Brasília no momento do incidente.

Agência Estado |

O tiro da arma de calibre 12 atingiu a perna direita do invasor. Encaminhado ao Hospital de Base do Distrito Federal, ele passou por uma cirurgia de cerca de seis horas. No início da noite, o quadro foi definido como estável pelos médicos. Ao longo de toda a tarde ele não recebeu nenhuma visita no hospital.

O delegado Celízio Espíndola, da 5ª Distrito Policial de Brasília, disse que será feito um exame toxicológico no homem. Segundo o delegado, ele aparentava descontrole e xingou muito os policiais. Como o homem baleado não portava documentos e apenas disse aos policias que se chamava Denis, a polícia de Brasília pretende levá-lo hoje ao instituto de identificação para checar seu nome, endereço e outras informações. Espíndola disse que o soldado do Exército atirou em Denis depois de adverti-lo para não tentar invadir os limites do Palácio. A investigação do caso será feita pela Polícia Federal e por um inquérito militar.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG