Homem perde violino do século 17 em trem

LONDRES (AP) - Um consultor de transportes aposentado disse ter perdido um valioso violino do século 17 ao esquecer o instrumento em um trem.

AP |

Rob Napier disse não ter percebido que o violino, feito pelo artesão veneziano Matteo Goffriller em 1698, tinha ficado no trem até o momento de sua partida.

"Acho que você consegue imaginar a sensação horrível que eu tive ao ver o trem partir", disse Napier, 67. "Meu primeiro instinto foi pular no topo do vagão. Mas isso seria estupidez".

Napier disse que estava a caminho de sua casa em Bedwyn, cerca de 115 km de Londres, depois de ter o instrumento avaliado por um especialista em cerca de US$ 390 mil. Ele ligou para a companhia de trem, mas o instrumento desapareceu antes de chegar à parada final.

Segundo ele, o violino pertencia a sua mãe, que morreu em 2006. Violinista profissional, ela comprou o instrumento de um negociante em 1945. Napier diz que ela queria um instrumento a altura daqueles tocados por suas colegas no conhecido grupo feminino Ebsworth String Quartet.

Uma recompensa de US$ 20 mil foi oferecida pelo retorno do violino.

A Polícia Britânica de Transporte confirma que está investigando o roubo de um "violino muito valioso".

    Leia tudo sobre: violino

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG