Homem mata ex-mulher e é linchado em Sertãozinho-SP

A Polícia Civil de Sertãozinho, cidade paulista da região de Ribeirão Preto, está investigando a autoria do crime de linchamento contra o lavrador Naílton de Jesus Santos ocorrido ontem à noite na Vila Garcia. Ele foi morto com golpes de pá pouco depois de ter assassinado, de acordo com a investigação, sua ex-mulher, a técnica de enfermagem Maria José da Silva, a facadas.

Agência Estado |

O delegado Targino Osório, da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), disse que as pistas ainda são poucas. Os autores do crime deverão responder processos por homicídio doloso, com possíveis agravantes, como impossibilitar a defesa da vítima.

Pelas informações obtidas pelos agentes, Santos procurou a ex-mulher para tentar uma reconciliação e teve uma briga com ela, no começo da noite. Maria José, de 35 anos, já teria sofrido ameaças anteriores dele. Na discussão, Santos desferiu um golpe de faca no pescoço da ex-companheira, que ainda tentou pedir socorro a vizinhos.

Ela foi levada à Santa Casa, mas não resistiu aos ferimentos. Enquanto ocorria o socorro a Maria José, moradores da vizinhança que estavam próximos à residência teriam cercado Santos, que se refugiou num canavial. Eles, então, atearam fogo na plantação para forçar a saída do lavrador, que foi dominado e linchado a golpes de pá.

Santos, de 43 anos, já tinha antecedente criminal. Maria José morava com três filhos, entre 3 e 9 anos, frutos de outros relacionamentos. As crianças foram levadas para casas de parentes.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG