Homem é preso no Rio sob suspeita de ter violentado mais de 20 mulheres

RIO DE JANEIRO - Um motorista de ônibus foi detido nesta sexta-feira na cidade de Queimados, na Baixada Fluminense, suspeito de ter estuprado mais de 20 mulheres, as quais atacava com uma arma falsa.

EFE |

Segundo fontes policiais, o homem de 30 anos de idade, também é suspeito de roubar suas vítimas após cometer os estupros.

Aparentemente, o suspeito agia contra mulheres de até 30 anos de idade em lugares desertos e escuros, como paradas de ônibus, utilizando uma arma falsa fabricada com madeira, um pedaço de cano e fita isolante.

De acordo com a polícia, o suposto criminoso vivia com sua mulher e três filhas. Está sob investigação a possibilidade de que também abusasse delas.

O detido já enfrentava uma ordem de prisão por uma agressão sexual contra uma jovem de 29 anos. Em algumas vezes, ele atuava acompanhado de outro homem, que foi detido previamente durante uma tentativa de estupro.

"Os dois violentavam a vítima simultaneamente", explicou o delegado Milton Sanches, encarregado do caso, acrescentando que os agressores também atacavam mulheres acompanhadas em algumas ocasiões.

Além disso, Sanches declarou que, com a detenção do suposto estuprador, "outras vítimas comparecerão para fazer o reconhecimento de seu agressor". Segundo o delegado, o suspeito confessou após ter sido detido que cometeu cinco estupros na região, mas alegou "cinicamente que era uma coisa que não conseguia controlar".

Leia mais sobre: estuprador

    Leia tudo sobre: estupro

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG