Heráclito pede convocação de ex-procurador da Anac

A Comissão de Infra-Estrutura do Senado deve convidar novamente para depor em audiência pública que discute a venda da Varig o ex-procurador-geral da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) João Ilídio de Lima Filho, por haver elaborado pareceres contraditórios sobre a operação. O requerimento, de autoria do senador Heráclito Fortes (DEM-PI), que será votado amanhã, se justifica, segundo Heráclito, pela reportagem de hoje do jornal O Estado de S.

Agência Estado |

Paulo revelando que Ilídio produziu dois pareceres opostos - um fornecendo as bases legais para a venda da Varig à VarigLog e o outro, produzido quase seis meses depois, afirmando que a diretoria da Anac aprovou a operação "com evidente violação das regras estabelecidas".

O ex-procurador-geral da Anac depôs na primeira audiência pública da Comissão de Infra-Estrutura, na semana passada. Declarou, na ocasião: "em nenhum momento tentei me escusar da obrigação de cumprir meu dever institucional e funcional e proteger a Anac naquele momento crítico por que passava". No depoimento da semana passada, João Ilídio disse que gostaria de uma acareação com a ex-diretora da Anac Denise Abreu, que havia se pronunciado antes na comissão, por quase oito horas. Justificou sua pretensão ao negar a informação dela de que saíra do hospital para ir à Casa Civil da Presidência da República atender solicitação de um parecer que fundamentasse a venda da Varig à VarigLog.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG