HC de Ribeirão fará transplantes de pâncreas e rim

O Hospital das Clínicas (HC), de Ribeirão Preto, foi credenciado pelo Ministério da Saúde a realizar transplantes de pâncreas. A cirurgias serão realizadas a partir do ano que vem e envolverão o transplante de pâncreas e rim, tornando-se uma alternativa para pacientes diabéticos dependentes de insulina e com falência renal.

Agência Estado |

Dados do Ministério da Saúde, de junho de 2007, indicavam que 336 pacientes estavam na lista de espera para a cirurgia dupla e 8.998 aguardavam pelo transplante renal no Estado de São Paulo.
Além do HC de Ribeirão, existem seis serviços credenciados em São Paulo e um em Campinas para esse tipo de transplante.

Para o professor do Departamento de Cirurgia da Faculdade de Medicina, da Universidade de São Paulo (USP), de Ribeirão, o médico-cirurgião José Sebastião dos Santos, as adequações exigidas pelo Ministério da Saúde e o desempenho do serviço permitirão a realização de mais duas modalidades de transplantes de pâncreas.

Na primeira fase pode ocorrer transplantes de pâncreas junto com rim. Na segunda, o transplante de pâncreas em quem já recebeu o rim. E na terceira, o transplante isolado de pâncreas. A utilização inadequada de insulina ou seu efeito insuficiente pode causar lesões irreversíveis nos rins, como a suspensão do seu funcionamento após 10 ou 15 anos. Por essa razão, o transplante duplo de rim e pâncreas pode beneficiar os pacientes com insuficiência renal e diabéticos, livrando-os de diálises e de injeções de insulina.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG