Guitarrista do Tokio Hotel será julgado por agredir fã

BERLIM ¿ O guitarrista do grupo alemão Tokio Hotel, Tom Kaulitz, irmão do cantor e líder da banda, Bill Kaulitz, terá que comparecer a um tribunal por agredir uma fã, segundo o jornal Bild. A Procuradoria de Hamburgo acusará formalmente Tom Kaulitz, de 20 anos, por lesões físicas.

EFE |

O incidente aconteceu no dia 15 de abril, quando Tom Kaulitz se encontrou em um posto de gasolina de Hamburgo com um grupo de fãs da França. Após uma discussão, uma garota apagou o cigarro sobre o carro do guitarrista, um Audi R8. Kaulitz, então desceu do veículo e a agrediu, segundo afirma uma fonte.

O jornal afirma que as quatro jovens francesas envolvidas no incidente formam um grupo chamado "Les Afghanes on Tour", que estava há um ano perseguindo os integrantes do Tokio Hotel.

Embora o representante do grupo, David Jost, afirme no jornal que o processo não chegará a acontecer, o "Bild" afirma que o julgamento é inevitável e que o guitarrista pode ser condenado a até cinco anos de prisão.

    Leia tudo sobre: celebridades

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG