Guarda Metropolitana de SP suspende greve até dia 22

Os guardas civis metropolitanos de São Paulo decidiram hoje suspender a greve, em vigor há uma semana, para atender ao pedido do desembargador e vice-presidente judicial do Tribunal Regional do Trabalho (TRT), Nelson Nazar, feito hoje durante a audiência de conciliação com a Prefeitura. Os profissionais retornam às atividades a partir das 6 horas de amanhã.

Agência Estado |

Segundo o presidente do Sindicato dos Guardas Civis Metropolitanos da Cidade de São Paulo (SindGuardas), Carlos Augusto Sousa Silva, a greve está suspensa até 22 de setembro, quando será realizada outra assembleia. Os pedidos da categoria de reajuste de 60% para 140% sobre o Regime Especial do Trabalho Policial, elevação do piso salarial para R$ 1,3 mil e melhores condições de trabalho, não foram atendidas pela Prefeitura. A greve será julgada pelo TRT, mas a data ainda não foi marcada.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG