Grupo usa duas pessoas como escudo humano no Ceará

Suspeitos explodiram uma agência do Banco do Brasil, em Lavras da Mangabeira

iG São Paulo |

Duas pessoas foram usadas como escudo humano, na madrugada desta sexta-feira, enquanto um grupo de dez homens fugia após um assalto realizado na agência do Banco do Brasil da cidade de Lavras da Mangabeira, interior do Ceará.

Segundo informações da polícia, o bando chegou à agência por volta das 3 horas, usando dinamites para roubar os caixas eletrônicos. Com a explosão, o teto da agência caiu, assim como vários vidros foram quebrados, segundo a polícia.

Os bandidos saíram rapidamente da agência, levando várias caixas metálicas dos caixas eletrônicos, algumas delas vazias. Para a fuga, usaram uma caminhonete roubada de um delegado de outra cidade, segundo informações da polícia.

Na saída, houve troca de tiros com policiais militares que estavam na cidade para garantir a segurança durante as eleições. Não há informações sobre feridos. Eles seguiram em direção ao Estado da Paraíba. A Secretária de Segurança Pública acredita que a carga de dinamite tenha vindo do Estado de São Paulo. Até as 15h desta sexta-feira, ninguém havia sido preso.

Com informações da Agência Estado.

    Leia tudo sobre: explosãofugarefénscearápernambuco

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG