Grupo ligado à CUT-Rural invade fazendas em MS

Um grupo de 70 pessoas ligadas à Central Única de Trabalhadores Rurais (CUT-Rural) invadiu as fazendas Santa Maria, Santa Helena e Vista Alegre situadas no município de Dourados, a 220 quilômetros de Campo Grande (MS). A informação foi prestada pelos irmãos Osmar Tirloni e Danilo Tirloni, proprietários das áreas, que ontem registraram queixa no 1º Distrito Policial de Dourados.

Agência Estado |

Segundo eles, os invasores, que estavam armados com ferramentas agrícolas, expulsaram os empregados das fazendas e ameaçaram incendiar plantação de 70 hectares de milho, que está pronta para ser colhida. O chefe do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) em Dourados, Roselmo de Almeida Alves, afirmou que o órgão não tem interesse na compra ou desapropriação das fazendas, porque estão em processo de inventário. "Acho muito estranha a invasão porque nenhum movimento de sem-terra solicitou vistoria das propriedades rurais para verificar se as propriedades rurais podem ou não ser integradas a reforma agrária", afirmou.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG