Grupo gay protesta contra shopping de Salvador

Oitenta integrantes do Grupo Gay da Bahia (GGB) realizaram hoje uma manifestação no Shopping Iguatemi, o mais antigo e movimentado de Salvador. Munidos com apitos, bandeiras e cartazes e entoando palavras de ordem os manifestantes protestaram contra a atitude dos seguranças do shopping, acusados de, na segunda-feira, expulsar um casal de namorados - dois estudantes de 22 anos - depois de eles se beijarem em um corredor do centro comercial.

Agência Estado |

Nas faixas, podia-se ler o tema do protesto: "Nenhum beijo será castigado".

A manifestação começou do lado de fora do shopping e seguiu para o local de onde os jovens foram expulsos. Ali, alguns casais de homossexuais beijaram-se, arrancando aplausos de alguns clientes. Segundo o presidente de honra do GGB, Luiz Mott, a gerência do estabelecimento se comprometeu a realizar uma palestra sobre diversidade sexual para os membros da equipe de seguranças.

O casal, que foi retirado do local com o argumento de que tinha "comportamento impróprio ao estabelecimento", segundo o boletim de ocorrência, não participou da manifestação por indicação do advogado. Eles, porém, registraram queixa crime na 16ª Delegacia e têm a intenção de recorrer ao Ministério Público (MP).

Segundo comunicado do shopping, o casal não foi expulso: os seguranças teriam pedido aos dois, solicitado por clientes, para que fossem mais discretos. A atitude, segundo a assessoria do Iguatemi, seria tomada contra qualquer casal, homossexual ou não, em caso de constrangimento dos frequentadores do local. A direção informou que só se pronunciará sobre eventual ação movida contra o estabelecimento quando for notificada.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG