Grupo faz arrastão no prédio do prefeito de Jundiaí

JUNDIAÍ - Um grupo formado por pelo menos 15 assaltantes, alguns armados de metralhadoras, realizou, no início da noite desta quinta-feira, um arrastão num prédio residencial de classe média alta em Jundiaí, interior de São Paulo, onde moram o prefeito e um ex-prefeito da cidade.

Agência Estado |

O grupo conseguiu entrar no prédio simulando a entrega de uma encomenda. O porteiro foi rendido e mantido refém na guarita. Os moradores que chegavam ao edifício eram abordados pelos demais criminosos na garagem e obrigados a levá-los até o apartamento.

Seis imóveis foram invadidos, entre eles o do ex-prefeito Ary Fossen, de 71 anos. O atual prefeito da cidade, Miguel Haddad, também mora no prédio, mas não teve o apartamento invadido.

Os criminosos, depois de duas horas, fugiram levando dois carros de moradores, joias, dinheiro e celulares. Segundo o delegado Luiz Carlos Branco Júnior, o trabalho de identificação dos criminosos ficará dificultado porque na fuga o bando levou os computadores onde as imagens do circuito interno de TV ficam gravadas.

Os dois veículos roubados dos moradores foram abandonados na região. Nenhuma vítima ficou ferida.

Leia também:

Leia mais sobre: arrastão

    Leia tudo sobre: arrastão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG