Grupo de escoteiros é resgatado na Serra do Mar

SÃO PAULO - Os 13 escoteiros e o monitor que estavam desde o domingo em um parque na Serra do Mar, na região de Itanhaém, no interior paulista, conseguiram sair da mata nesta quarta-feira, no início da madrugada. Nenhum deles sofreu ferimentos.

Agência Estado |

O Grupo Escoteiro Bororós, da União dos Escoteiros do Brasil, foi localizado pelos bombeiros na manhã desta terça-feira. 

Desde as 17h desta terça-feira três guias auxiliavam o grupo a sair da trilha a pé. O resgate pelo helicóptero Águia 3 foi descartado devido ao mau tempo na região. Além disso, o acesso ao local onde eles estavam era difícil.

Os escoteiros e o monitor saíram de Embu-Guaçu, na Grande São Paulo, no sábado e deveriam ter retornado por volta das 12h do dia seguinte.

O Coordenador de Comunicação da União dos Escoteiros em São Paulo, Fernando Neves, afirmou que os escoteiros não ficaram perdidos, apenas decidiram adiar o retorno por causa da chuva. De acordo com ele, o Grupo Bororós fez uma parceria com a direção do parque e os seniores fariam a verificação de antigas trilhas e abertura de novos caminhos futuramente utilizados por ecoturistas.

"Eles estavam no cronograma, mas quando choveu durante a volta, no domingo, perderam a velocidade e perceberam que não iam conseguir completar o percurso ainda com o dia claro, então decidiram acampar, por segurança", disse Neves. Ele explicou que o guia do parque se comunicou por rádio com a sede solicitando que as famílias fossem avisadas de que o grupo retornaria apenas no dia seguinte. No entanto, a família de um dos adolescentes, segundo Neves, decidiu acionar o Corpo de Bombeiros.

Leia mais sobre: escoteiros

    Leia tudo sobre: buscasdesaparecimentomata atlântica

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG