Grupo armado invade convento para procurar de delegado

Quatro homens armados invadiram no fim da tarde de domingo um convento no centro de Itaparica, na Baía de Todos os Santos, à procura do delegado da cidade, José Magalhães, que mora provisoriamente no local. De acordo a polícia, os invasores, bem vestidos, entraram em todos os 48 apartamentos da Comunidade do Centro de Treinamento de Líderes, da Congregação de Nossa Senhora dos Humildes, mas nada foi levado.

Agência Estado |

A polícia não informou qual seria o motivo da invasão do grupo.

O delegado estava em Salvador no momento da ação. Segundo ele, o grupo ainda voltou ao local duas horas depois com mais duas pessoas, e ficou esperando Magalhães retornar, o que não aconteceu. O delegado qualificou o ocorrido de "terrorismo" e prometeu prender os autores.

Magalhães assumiu a Delegacia de Itaparica há pouco mais de um mês prometendo "acabar com a esculhambação no policiamento na cidade em 15 dias". Há dez dias, o delegado - famoso pelo farto bigode e pelo uso constante de frases de efeito - pediu para ser transferido, reclamando por estar hospedado em um convento. De acordo com ele, o combinado para que ele assumisse a delegacia, era que a Secretaria de Segurança lhe desse uma casa.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG