Gripe suína: SP já tem aulas suspensas em 8 escolas

Mais duas escolas de São Paulo decidiram hoje antecipar as férias de parte ou de todas as turmas como medida de precaução contra a gripe suína, elevando a oito o total de instituições paulistas afetadas pela influenza A (H1N1). A mais recente instituição a anunciar a medida é a unidade Panamby do Colégio Visconde de Porto Seguro, na Vila Andrade, zona oeste de São Paulo, que suspendeu as aulas de uma das sete turmas da 6ª série do ensino fundamental após o diagnóstico de que um aluno está com a doença.

Agência Estado |

A diretora da unidade, Maria Eliza de Lamboy, recebeu a notícia da mãe do garoto ontem à noite.

"A mãe disse que ele sente um pouquinho de dor de cabeça, mas está bem". O menino recupera-se em casa. Segundo Maria Eliza, ele não esteve na unidade nesta semana e apresentou os sintomas depois de manter contato com outro infectado fora do colégio. A direção decidiu dar prosseguimento às aulas das demais séries. O início das férias está agendado para a próxima semana. "Estamos atentos. Se for necessário reavaliar isso, (antecipar a data) vamos fazer", garantiu a diretora.

Na Vila Olímpia, zona sul de São Paulo, a Escola Viva também decidiu cancelar as aulas e desmarcar a festa junina, que estava prevista a sexta-feira. A coordenadora do segundo ciclo do Ensino Fundamental da escola, Marta Campos, conta que um aluno da 6ª série foi infectado por um familiar que viajou aos Estados Unidos. O menino de 11 anos não ia às aulas desde sexta-feira passada. O recesso de inverno termina em 30 de julho. Os dois dias de aula perdidos serão repostos no segundo semestre. De acordo com Marta, funcionários e professores continuam trabalhando. "Sempre avisamos os pais em caso de doenças contagiosas", diz Marta. "Dessa vez, sabíamos que muitos deixariam de mandar os filhos para o colégio, então resolvemos antecipar as férias."

Ontem, a unidade Cantareira do Colégio Objetivo, na zona norte da capital paulista, também suspendeu as aulas em razão da confirmação de que uma aluna do 3º ano do ensino médio contraiu o vírus da gripe A (H1N1). "As aulas serão repostas oportunamente", informou a instituição, em nota. O colégio voltará a funcionar no início de agosto. Também cancelaram as atividades na capital os colégios Pueri Domus e Magno e a unidade Santo Amaro da escola de idiomas Cultura Inglesa; em Assis, a Universidade Estadual Paulista (Unesp) e, em Taubaté, o Anglo. O Ministério da Saúde registra até agora 334 casos confirmados e 218 suspeitos de gripe suína no País.

Rio

No Rio, o centenário Colégio Santo Inácio, em Botafogo, na zona sul, suspendeu hoje as aulas parcialmente, um dia após a confirmação de dois casos de gripe suína. Uma aluna do 1º ano do ensino médio e outro do 9º do fundamental adoeceram depois de viajarem para os Estados Unidos. Ambos se recuperam em casa. A direção do tradicional colégio interrompeu as aulas das 21 turmas das 3 séries, o correspondente a cerca de 750 alunos.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG