Gripe suína: secretaria confirma 2º caso suspeito em SP

A Secretaria da Saúde paulista confirmou hoje a ocorrência do segundo caso de paciente com suspeita de ter contraído a gripe suína, a influenza A H1N1, no Estado. Trata-se de uma mulher de 54 anos que teria passado por Cancún, cidade balneária que fica na costa do Estado de Quintana Roo, no México.

Agência Estado |

Depois de chegar ao Brasil, ela passou a ter febre e dores pelo corpo acompanhadas de tosse.

Os critérios da Organização Mundial da Saúde (OMS) para a definição de um caso suspeito são: "Febre repentina acima de 38 graus acompanhada de um ou mais dos seguintes sintomas: tosse, dificuldade respiratória, dor de cabeça, dores musculares e nas articulações; e ter como procedência as áreas afetadas, nos últimos dez dias".

Em nota distribuída hoje à tarde, o Ministério da Saúde informou que subiu para sete o número de casos que se enquadram na classificação de suspeitos no Brasil. Segundo a pasta, outros 41 pacientes estão sob monitoramento. Ontem, o último boletim do dia informava quatro casos suspeitos de contaminação no País e 42 em investigação.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG