Uma mulher que morava no Estado americano do Texas morreu depois de ter sido infectada pelo vírus da gripe suína, informaram hoje autoridades locais. A paciente vivia na cidade texana de McAllen, perto da fronteira com o México.

De acordo com a Associated Press, a mulher sofria de diversos problemas crônicos de saúde e morreu no início desta semana, mas sem especificar o dia. Trata-se da segunda morte confirmada por gripe suína nos Estados Unidos. A primeira foi a de um bebê mexicano que havia sido levado pela família ao Texas.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) poderá elevar hoje o alerta contra a gripe suína para a fase 6, a mais alta de sua escala, que aponta para uma pandemia (epidemia generalizada) global, informou a agência de notícias japonesa Kyodo, citando fontes próximas à agência das Nações Unidas. A OMS elevou o alerta para a fase 4 em 27 de abril e para a fase 5 em 29 de abril. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.