Gravação flagra empresário negociando recursos para vice-governador

Em um dos vídeos gravados pelo ex-secretário de Relações Institucionais do governo do Distrito Federal Durval Barbosa, o empresário Gilberto Lucena, dono da Linknet, uma das empresas que operava no suposto esquema de corrupção, discute com Barbosa sobre a partilha do dinheiro.

Matheus Leitão, Lucas Ferraz e Érika Klingl |



Veja vídeo obtido em primeira mão pelo iG

Segundo as investigações da Polícia Federal e do Ministério Público Federal, autorizadas pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), a Linknet era uma das empresas beneficiadas com contratos do governo e que financiava o suposto esquema.

No começo da gravação, Durval Barbosa comenta com Lucena que o vice-governador do Distrito Federal, Paulo Octávio, está cobrando. Pode dizer que ele vai ter tudo direitinho, responde o dono da Linknet. Vai ser feito o trem dele lá, não tem jeito. Já foi feito com o Ricardo, disse o empresário, referindo-se supostamente a um pagamento antecipado a Ricardo Pena, secretário de Planejamento do DF. Gilberto Lucena também confirma pagamento de propina a Roberto Giffoni, corregedor do governo do DF. 

Gravado este ano

Ao longo da gravação, Lucena diz que "Arruda é amigo do capeta" e que "Paulo Octávio tem 30%". Segundo inquérito da Operação Caixa de Pandora, o vídeo foi gravado entre maio e julho deste ano.

Em seu depoimento, o delator Durval Barbosa disse que o dono da Linknet teve que pagar pedágio a Paulo Octávio e ao governador José Roberto Arruda, ambos do DEM, além de Pena e Giffoni. Ainda segundo Durval, o vice-governador Paulo Octávio recebeu R$ 660 mil, enquanto Ricardo Pena e Roberto Giffoni receberam, cada um, R$ 280 mil.

Em nota divulgada neste domingo, ao lado do governador José Roberto Arruda, Paulo Octávio negou as acusações e disse que Durval agiu de "forma capciosa e premeditada" para prejudicar os dois.

Escândalo no Distrito Federal

Entenda

Inquérito da PF

Vídeos

Leia também:

Crise de 2001

    Leia tudo sobre: arruda

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG