Gastão Vieira afirma que municípios como Olinda e Ouro Preto podem ser colocados na rota dos jogos de 2014

Felipe Carneiro
Rua Direita, em Ouro Preto: cidade está cotada para participar da Copa
O Governo Federal pretende transformar municípios históricos brasileiros em bases de apoio das cidades-sede da Copa do Mundo de 2014 .

A iniciativa tem o objetivo de estimular o turismo nestes locais e também amenizar possíveis gargalos com hospedagem, por exemplo. A informação foi divulgada hoje pela manhã pelo Ministro do Turismo, Gastão Vieira (PMDB). "O foco do ministério é a Copa do Mundo", disse Vieira.

Leia também: Dilma pede a novo ministro atenção com plano para Copa

A iniciativa será discutida no próximo fórum das Cidades Históricas, que será realizado em Santa Maria (RS), em novembro deste ano. A ideia do Ministério do Turismo é que cidades como Olinda (PE), São Luís (MA) e Ouro Preto (MG) também recebam investimentos do governo federal visando receber turistas durante a Copa do Mundo.

“A ideia é que, mesmo não sendo sede de Copa, você incentive o turista a visitar Olinda, São Luís, uma série de cidades históricas brasileiras. Nós vamos sentar com o Ministério da Cultura, com o Iphan, para ver o que é possível fazer nestas cidades para atrair o turista”, declarou o ministro do Turismo;

Além de incentivar o setor, estas cidades históricas também poderiam servir de apoio para hospedar os turistas estrangeiros que viriam assistir os jogos. Algumas destas cidades históricas, como São Luís, também pretendem se candidatar a centro de treinamento de seleções. O governo do Estado do Maranhão já ofereceu a cidade para a Fifa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.