Publicidade
Publicidade - Super banner
Brasil
enhanced by Google
 

Governo prepara mobilização contra rubéola no sábado

Diante dos resultados pouco expressivos da campanha de vacinação contra rubéola, sobretudo entre homens, o Ministério da Saúde prepara para sábado uma grande mobilização para incentivar a imunização. O reforço, que deverá ser semelhante ao do início da campanha, vai ocorrer em todos os Estados brasileiros.

Agência Estado |

Até agora, 45,2% dos homens foram vacinados. O desempenho entre população feminina foi melhor: 55,5%.

A campanha tem como objetivo imunizar principalmente homens jovens - faixa que concentra o maior número de casos da doença. Dos 8.684 registros de rubéola confirmados no País no ano passado, 70% eram de pacientes jovens do sexo masculino. O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, afirmou que a resposta dos homens à campanha tem sido apenas "razoável".

Cerca de 220 mil pessoas, entre voluntários e servidores da saúde, vão atender a população em 70 mil postos de vacinação, que ficarão abertos ao longo de todo o sábado. Segundo o ministério, essa é maior campanha já realizada no mundo. Devem se vacinar homens e mulheres entre 20 e 39 anos. Nos Estados de Minas Gerais, Maranhão, Mato Grosso, Rio de Janeiro e Rio Grande do Norte a faixa etária vai dos 12 aos 39 anos.

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Rubéola começou a ser preparada há quase um ano. Ela é uma resposta ao aumento do número de infecções, que começou a ser detectado em 2006. A rubéola é uma doença benigna, mas quando afeta mulheres gestantes, há o risco de o bebê nascer com síndrome da rubéola congênita. Crianças com o problema apresentam surdez, cegueira e retardo mental.

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG