Governo obstrui votação para reduzir a DRU

A Câmara começou a votar hoje a proposta de emenda constitucional que reduz gradualmente o porcentual da Desvinculação das Receitas da União (DRU) sobre os recursos da Educação. O porcentual acaba em 2011.

Agência Estado |

A primeira votação foi quase por unanimidade. Todos os partidos encaminharam a favor da proposta, aprovada com 384 votos a favor e 1 abstenção. O PPS, no entanto, apresentou uma proposta para retirar o escalonamento na redução da retirada dos recursos, na tentativa de acabar a DRU já neste ano. Com risco de perder a votação, o governo obstruiu a sessão e a conclusão da votação ficou para a próxima semana.

A DRU retira 20% dos recursos orçamentários para o governo gastar livremente. O projeto prevê que, em 2009, o porcentual de retirada dos recursos da Educação será de 12,5%, em 2010, de 5%, e nulo em 2011.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG