Governo mantém subsídios dos medicamentos do Farmácia Popular

O governo alterou a tabela de preços dos medicamentos vendidos no programa Farmácia Popular e com isso evitar aumentos para o consumidor. Ontem, o http://portal.

Agência Estado |

saude.gov.br/portal/saude/area.cfm?id_area=1095" target=_blank Ministério da Saúde divulgou uma portaria para reduzir os valores de referência dos remédios e manter os subsídios (parte paga pelo governo) de até 90% nos produtos para hipertensão, diabete e contraceptivos vendidos na rede de farmácias privadas credenciadas.

A medida garante os preços para o consumidor que necessita do subsídio após o reajuste de 5,6% nos medicamentos em 1º de abril. Na nova tabela, medicamentos de hipertensão e diabete tiveram o valor de referência reduzido. De acordo com o Ministério, o valor do medicamento para hipertensos Hidroclorotiazida 25 mg - conhecido comercialmente como Clorana, do fabricante Sanofi - teve uma redução de 45% no valor de referência. Os contraceptivos mantiveram o valor de tabela. As informações são do Jornal da Tarde .

AE

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG