Governo encomenda estudo sobre mulheres nas eleições

No ano em que o governo federal terá uma ministra candidata à Presidência da República, a Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres lançou um edital para realizar pesquisa a respeito da participação feminina nas eleições 2010. A licitação vai custar R$ 1 milhão ao Tesouro Nacional.

Agência Estado |

O objetivo da pesquisa, segundo Sônia Malheiros Miguel, subsecretária de Articulação da pasta, é identificar os motivos que determinam a baixa participação feminina nos centros de decisão política. "Queremos aprofundar um tema que intriga os pesquisadores, que é essa subrepresentação da mulher nos espaços de poder", disse.

Sônia negou o intuito eleitoral da pesquisa ao ser questionada sobre o motivo de o trabalho ser realizado na eleição 2010, quando poderia ter sido feito, por exemplo, no pleito municipal, há dois anos. Embora o período coincida com o lançamento de uma candidata à Presidência - a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, o timing da pesquisa é adequado, disse. "É um período importante para estudar esse assunto e estamos seguindo as regras do TSE (Tribunal Superior Eleitoral)", afirmou.

Segundo Sônia Miguel, membros do governo não terão acesso aos dados da pesquisa até o final das eleições. A secretaria é subordinada à Presidência da República. "Haverá uma divulgação preliminar em dezembro. Não teremos acesso aos dados antes disso", afirmou. Segundo ela, as informações servirão de base para a formulação de ações que possam elevar a participação das mulheres na política.

O levantamento será realizado entre os meses de julho e dezembro deste ano e, de acordo com o edital disponível na internet, deverá abranger dois eixos: comportamento e tendências do eleitorado e monitoramento e análise de candidaturas e candidatos (as) a cargos majoritários. O projeto também inclui o monitoramento dos candidatos na mídia com abrangência nacional. Poderão participar da licitação instituições públicas, como universidades e institutos e fundações de pesquisa.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG