Governo de SP promete desafogar pronto-socorro do HC

O Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP e a Secretaria de Estado da Saúde prometem que vão tomar novas medidas contra a superlotação do pronto-socorro (PS) de seu Instituto Central, a principal delas o encaminhamento de pacientes ao recém-inaugurado Instituto do Câncer de São Paulo Octávio Frias de Oliveira. Quase um ano depois do anúncio de medidas para desafogar o PS, o local continua repleto de macas nos corredores, onde pacientes ficam lado a lado.

Agência Estado |

O hospital conseguiu diminuir em mais de 40% a procura de pessoas com casos simples, direcionando-os para a rede básica de saúde.

No entanto, as internações no PS do instituto central, de 36 a 40 por dia, continuam acima da capacidade do local, que tem apenas 50 leitos de observação, e da rede de saúde. Portadores de doenças crônicas, como o câncer, continuam sendo assistidos e internados nos corredores do pronto-socorro por não terem outro local para serem acolhidos quando seu quadro de saúde se agrava.

Médicos da unidade apontam que uma minoria de casos tem sido transferida para hospitais adequados pela central de regulação da secretaria. Além disso, as obras de expansão do PS estão atrasadas. O novo instituto de atendimento ao câncer começou a funcionar paulatinamente há três meses, e por ainda não ter pronto-socorro, tem encaminhado diariamente pacientes com quadros graves ao PS do Instituto Central.

Transferência

Segundo o superintendente do HC, José Manoel de Camargo Teixeira, a transferência desses doentes ao instituto de câncer já vinha sendo acertada e deve ocorrer, no máximo, na semana que vem, quando estarão disponíveis no mínimo mais 15 novos leitos na enfermaria do local. "O combinado é que eles passarão a atender as intercorrências."

"Eles (pacientes) podem ser enviados ao pronto-atendimento do instituto e os leitos que estamos abrindo vão servir como retaguarda", promete o diretor do instituto, Giovanni Guido Cerri. O pronto-atendimento do instituto atende hoje 18 pacientes por dia. As informações são do jornal O Estado de S.Paulo .

AE

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG