Governo de SP inaugura piscinão em Taboão da Serra

O governador de São Paulo, José Serra (PSDB), inaugurou hoje o piscinão Sharp, na zona sul da Capital, divisa com Taboão da Serra. Com capacidade para receber 500 mil metros cúbicos de água da chuva, a construção é a segunda maior do tipo no Estado e fica atrás apenas do piscinão Petrobras, em Mauá, que tem capacidade de 800 mil metros cúbicos.

Agência Estado |

A obra custou ao Estado R$ 41,4 milhões. A prefeitura da Capital colaborou com R$ 7 milhões para a desapropriação do terreno.

O piscinão é o sexto da região da Bacia do Rio Pirajuçara. "A gente não sabe até onde as mudanças climáticas vão levar as chuvas, mas com o piscinão os problemas são infinitamente menores", disse Serra. "Atenuar é uma coisa que vale a pena." Segundo o prefeito da Capital, Gilberto Kassab (DEM), as regiões dos rios Aricanduva e Pirajuçara têm prioridade para receber investimentos para a prevenção de enchentes. "Estamos vivendo o período de maior intensidade das chuvas nos últimos anos e, até agora, em nenhum momento tivemos alagamento na região do Pirajuçara", disse Kassab.

O governador José Serra assinou ainda durante a cerimônia a ordem de serviço para o início da construção do piscinão Olaria, também na região do Pirajuçara. Ele terá capacidade para armazenar 100 mil metros cúbicos de água, custará R$ 27 milhões e deve ser entregue até o final de 2011.

Gafe

Serra cometeu uma gafe ao criticar o prefeito de Taboão da Serra, Evilásio Farias (PSB). O governador reclamou da falta de participação da prefeitura na obra do piscinão, sem perceber a presença de três secretários municipais de Farias. "O prefeito nem deu as caras hoje, apesar de essa ser uma obra que tem uma importância decisiva para Taboão", disse Serra em discurso a cerca de cem pessoas, à beira do piscinão. "Nada como trabalhar com governos que não olham a cor partidária. O prefeito fatura e ainda se manda, sem ter feito nada. Aqui, a prefeitura ficou realmente inteiramente alheia."

Segundo a prefeitura de Taboão, Farias foi convidado para a cerimônia às 20 horas de ontem, por e-mail. A chefia de gabinete do prefeito, que está em viagem, entrou em contato com o cerimonial do Palácio dos Bandeirantes e avisou que o secretário municipal de Obras e Infraestrutura, Ricardo Rezende, que diz ter acompanhado a obra desde o início, iria ao evento como representante de Farias. Integraram a comitiva de Taboão ainda o secretário de Finanças, Maruzan Corado, e a secretária de Assistência Social, Arlete Silva.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG