Governo dará reajuste a mais de 350 mil servidores públicos

BRASÍLIA ¿ Nos próximos dias, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva deverá assinar duas novas medidas provisórias (MPs) que darão aumento a 350 mil novos servidores, de 54 categorias, que ficaram de fora da MP 431 que concede aumento a funcionários civis e militares. A MP 431, cujos destaques serão votados em agosto, beneficia 611.935 militares.

Carollina Andrade - Último Segundo/Santafé Idéias |

O reajuste salarial deverá impactar na folha salarial de agosto, a ser paga em setembro. Na semana passada, o Ministério do Planejamento não enviou os textos como chegou a anunciar, mas os sindicalistas aguardam a edição das MPs ainda esta semana.

Uma das medidas provisórias é voltada para as carreiras típicas de Estado, como auditores da Receita Federal, Banco Central, Advocacia Geral da União e fiscais do Ministério do Trabalho, além dos gestores públicos. A outra abrangerá as demais carreiras, como 70 mil servidores e peritos médicos do INSS.

Após a edição das MPs, o governo encerra o ciclo de reajuste no salário de 1,7 milhão de funcionários, que começou em março e prevê aumentos graduais até 2011. Quando esse processo de reajustes se encerrar, a conta para o futuro presidente da República será de cerca de R$ 32 bilhões.

Leia mais sobre: Gastos do governo

    Leia tudo sobre: lula

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG