Governo baiano lança mutirão de cirurgias no Estado

A Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab) lançou hoje um mutirão de cirurgias de média e alta complexidade, para tentar reduzir as filas de espera de pacientes da rede pública de saúde do Estado. De acordo com a Sesab, serão realizados 1.

Agência Estado |

700 procedimentos, em um prazo de quatro meses. "Este também vai ser um período de reestruturação, para que essa fila não volte a acontecer", afirmou o secretário da pasta, Jorge Solla. "Vamos informatizar o sistema, para facilitar o atendimento e conseqüentemente o acesso da população à saúde."

As cirurgias que serão feitas no mutirão são cardíacas, bariátricas, ortopédicas e neurológicas. Os atendimentos serão feitos de acordo com a fila gerida pela Central Estadual de Regulação. Para realizar o mutirão, a Sesab firmou parcerias com instituições filantrópicas e privadas.

Os investimentos do programa giram em torno de R$ 25 milhões. De acordo com a administração da Central de Regulação, o mutirão não será capaz de zerar completamente as filas, mas outras ações do gênero no futuro estão descartadas.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG