Governo anuncia investimento de mais R$ 98 milhões em saúde mental

BRASÍLIA - O Ministério da Saúde lançou nesta terça-feira um pacote de medidas para melhorar o atendimento de pacientes com transtornos mentais e ampliar a assistência a usuários de álcool e drogas no País.

Redação |

O ministro José Gomes Temporão assinou portarias que aumentam em até 31,85% o valor das diárias pagas por paciente internado em hospitais psiquiátricos e gerais. A medida também habilita 73 novos Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) e cria incentivo financeiro para internações curtas, de até 20 dias, de pacientes em crise. O investimento, em recursos novos, será de R$ 98,3 milhões por ano.

Em junho deste ano, o ministro já havia anunciado outros R$ 117 milhões para o Plano Emergencial de Ampliação do Acesso para Tratamento de Álcool e Drogas. De acordo com o Ministério da Saúde, somando os novos recursos, os investimentos para o setor chegam a R$ 215,3 milhões. As portarias foram publicadas no Diário Oficial da União, na sexta-feira, 30 de outubro.

O valor das diárias de internação em hospitais gerais vai passar de R$ 42,47 para R$ 56,00 e deve gerar um impacto anual no orçamento de R$ 9,6 milhões. Atualmente, há 2.573 leitos psiquiátricos nestas unidades. A expectativa é de que, com o a reajuste, os hospitais gerais criem cerca de 2.300 novos leitos em saúde mental.

Leia mais sobre: saúde mental

    Leia tudo sobre: ministério da saúdesaúdetemporão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG