Google terá que indenizar internauta por perfil falso no Orkut, decide Justiça

RIO DE JANEIRO ¿ O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro condenou a empresa Google a indenizar em R$ 12 mil por danos morais uma internauta que teve sua foto veiculada em um perfil falso no site de relacionamentos Orkut. No perfil criado, a autora da ação dizia ser uma garota de programa.

Redação |

A internauta disse que tomou conhecimento do ocorrido através da sobrinha de quinze anos, que recebeu um convite do perfil falso para adicioná-la na rede de amigos. De acordo com a autora da ação, ela também passou a receber mensagens pelo Orkut de pessoas querendo contratar seus serviços como garota de programa. O perfil falso lhe atribuía qualidades de cunho pornográfico e divulgava fotos de sexo explícito.

Para o relator do processo, desembargador Alexandre Freitas Câmara, o Orkut deixou de ser apenas uma rede social, para se tornar um celeiro de condutas ilícitas e ofensivas à honra alheia, como tem sido noticiado quase que diariamente.

Veja também:

Leia mais sobre: Orkut

    Leia tudo sobre: orkut

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG