Goleiro Bruno participa de audiência trabalhista em Minas Gerais

Segundo o TRT, ex-caseiro entrou com ação indenizatória de R$ 2 milhões

AE |

selo

O ex-goleiro Bruno Fernandes de Souza, acusado do desaparecimento de sua amante, Elisa Samudio, participou de uma audiência trabalhista na manhã desta sexta-feira, em Belo Horizonte. Participaram também, como testemunhas no processo, Luiz Henrique Romão, o Macarrão, e Dayanne de Souza, mulher do jogador.

Segundo o Tribunal Regional do Trabalho (TRT), o ex-caseiro do sítio de Bruno, localizado no município mineiro de Esmeralda, Paul Helbert, entrou com uma ação indenizatória de R$ 2 milhões contra o goleiro.

A audiência começou às 8h45 e terminou às 9h30, com o acordo entre as partes para o pagamento de direitos trabalhistas, como horas extras e rescisão de contrato. Ficou definido que o caseiro vai receber um total de R$ 13 mil, dividido em 13 parcelas de R$ 1 mil, com a primeira devendo ser paga daqui a 30 dias.

    Leia tudo sobre: brunogoleirotrtcaseiro

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG