Gil Rugai é preso em São Paulo

Policiais da 1ª Seccional prenderam na tarde de hoje o estudante Gil Rugai, de 25 anos, acusado de assassinar, em 2004, em São Paulo, seu pai, o publicitário Luiz Carlos Rugai, e sua madrasta, Alessandra de Fátima Troitino, para encobrir um desfalque que teria dado na empresa da família. A informação foi confirmada pela Secretaria de Segurança Pública (SSP) paulista.

Agência Estado |

A pasta não soube, entretanto, dar mais detalhes sobre a detenção.

O Ministério Público Estadual (MPE) pediu a revogação da liberdade provisória concedida ao estudante após reportagem do Domingo Espetacular , da Rede Record , revelar que ele estava morando na cidade gaúcha de Santa Maria sem ter informado à Justiça. Após ficar preso por dois anos e 13 dias, Rugai deixou o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Pinheiros, zona oeste de São Paulo, em abril de 2006, quando obteve um habeas-corpus para aguardar o julgamento em liberdade.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG