Geddel diz que Lula vai checar in loco obras do PAC

BRASÍLIA - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse nesta quinta-feira, durante reunião com ministros, que vai aos estados checar in loco o andamento das obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). A afirmação é do ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima, que participou do encontro.

Agência Brasil |

O presidente, nessa primeira fase, deixou bastante claro seu envolvimento pessoal no acompanhamento das obras que estão ocorrendo no país, cobrando cronogramas, celeridade, e anunciando que vai começar um périplo pelos estados para checagem in loco do andamento das obras e a partir daí vai se reunir com áreas específicas para tratar de cada assunto determinado de obras do PAC, afirmou.

Geddel disse ainda que Lula afirmou que o PAC é um importante componente para o enfrentamento da crise internacional, gerando empregos. Essa cobrança agora mostra claramente a preocupação que nós todos temos de ter, de trabalharmos conjuntamente para aquecermos a economia na medida em que o prazo de mandato vai se esgotando. Todos temos que nos preocupar em acelerar as obras, disse.

Além de Geddel, participam da reunião os ministros das Cidades, Marcio Fortes dos Transportes, Alfredo Nascimento; do Meio Ambiente, Carlos Minc; de Minas e Energia, Edison Lobão; da Defesa, Nelson Jobim; da Controladoria-Geral da União, Jorge Hage; e da Secretaria Especial de Portos, Pedro Brito. Estavam presentes também os presidentes do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Luciano Coutinho, da Caixa Econômica Federal, Maria Fernanda Ramos Coelho, e o presidente da Petrobras, José Sergio Gabrielli. 

    Leia tudo sobre: pac

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG