A criança de 2 anos e meio que estava com diversas agulhas espetadas no corpo vai permanecer na enfermaria do Hospital Ana Neri, em Salvador, na Bahia, por mais 15 dias, segundo boletim do hospital divulgado nesta terça-feira.

De acordo com o comunicado, o garoto, que está internado no hospital desde o último dia 17, se recupera bem das cirurgias feitas para a retiradas das agulhas. Ele se alimenta normalmente, brinca e tem melhorado significativamente sua condição psicossocial.

A criança continua recebendo acompanhamento de uma equipe multidisciplinar de médicos pediatras, cirurgiões, psicólogos e assistentes sociais. Durante este período ele passará por novos exames e fará uso de medicamentos para a sua recuperação.

A criança foi submetida a três cirurgias para retirada de agulhas na região do pescoço, do canal medular, coração, pulmão, fígado, bexiga e intestino. Ao todo foram retiradas 22. Outras que não causam risco de vida não serão removidas, ao menos por enquanto.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.