Gabeira aposta que foco no meio ambiente levará Marina ao PV

BRASÍLIA (Reuters) - O deputado Fernando Gabeira (PV-RJ) afirmou nesta quarta-feira que a decisão da senadora Marina Silva para trocar o PT pelo PV depende de uma definição emocional e que a eventual reformulação da sigla é fator de atração. O partido ofereceu à senadora uma vaga na sucessão presidencial. O que falta para ela talvez é uma definição emocional para deixar um partido que ela esteve 30 anos. É o primeiro passo, disse Gabeira a jornalistas.

Reuters |

O deputado acredita que a senadora se sentirá atraída pela refundação e reformulação do programa do PV.

"Ela é interessada enormemente na questão ambiental... e ela vai procurar evidentemente aquele espaço onde ela puder exercitar essa vontade de contribuir com o Brasil e o planeta", afirmou.

Marina Silva recebeu há 15 dias o convite para se filiar ao PV e concorrer à Presidência da República pela sigla. Nesse período, ela vem recebendo apelos de lideranças do PT para permanecer na legenda. Nesta manhã, o presidente do PT, deputado Ricardo Berzoini (SP), esteve com Marina.

"Tive uma boa conversa com a Marina. Não sei se ela sairá ou não do PT, mas tenho certeza que as razões dessa reflexão são sinceras", disse Berzoini em sua página no Twitter.

Na segunda-feira, José Eduardo Dutra, presidente da BR Distribuidora e candidato a presidente do PT, conversou com a senadora. No mesmo dia, a bancada de senadores petistas produziu uma carta aberta tentando mantê-la no partido.

(Reportagem adicional de Georgia Jordan, em São Paulo)

(Reportagem de Ana Paula Paiva)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG