Fundo da Marinha Mercante vai disponibilizar R$ 10 bilhões para a indústria naval

RIO DE JANEIRO - Falando para mais de mil metalúrgicos que participavam do batismo da Plataforma P-51, em Angra dos Reis, no litoral sul do Rio de Janeiro, a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, anunciou que o governo vai disponibilizar R$ 10 bilhões do Fundo da Marinha Mercante para garantir o financiamento da indústria naval brasileira.

Agência Brasil |

Segundo ela, trata-se de uma forma de combater os efeitos da crise financeira internacional. Na avaliação da ministra, a liberação dos recursos ajudará a indústria naval brasileira no processo de reestruturação e no desenvolvimento do setor para atender à demanda necessária ao desenvolvimento dos trabalhos de exploração e produção do pré-sal.

O Fundo da Marinha Mercante existe há 50 anos e já está incluído no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), com previsão de investimento de R$ 10,6 bilhões em projetos da indústria naval até 2010.

"O governo federal vai tornar disponíveis R$ 10 bilhões, através do Fundo da Marinha Mercante, para que a indústria naval possa construir plataforma, navio, frota pesqueira, frota de cabotagem. Nós não estamos fazendo promessas vazias", disse a ministra durante seu discurso.

Na avaliação dela, mais da metade dos recursos será utilizada para a construção de plataformas. "Ela [indústria naval] será capaz de construir não apenas uma ou duas plataformas, mas até mais. Quem sabe as 30 que serão necessária ao pré-sal, como falou o [José Sérgio] Gabrielli [presidente da Petrobras]. Vai também fortalecer ainda mais a indústria, que poderá construir todos os navios-sonda e todos os barcos de apoio necessários ao pré-sal.

Leia mais sobre: indústria naval

    Leia tudo sobre: dilma

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG