Fundação recebe obra roubada da Pinacoteca

A Secretaria Estadual de Segurança Pública entregou ontem à Fundação Nemirovski a última das quatro obras roubadas da Estação Pinacoteca em junho. Após um telefonema anônimo, a Polícia Civil encontrou a gravura Minotauro, Bebedor e Mulheres, de Pablo Picasso, abandonada próximo à Rodovia Raposo Tavares.

Agência Estado |

A polícia acredita que a ligação tenha sido feita por um dos ladrões, supostamente encurralado por uma blitz na favela de Paraisópolis.

Avaliada em US$ 5 mil, a obra foi achada na sexta-feira. Estava com a moldura original e embrulhada cuidadosamente com plástico e papel pardo. As análises iniciais mostraram que a gravura está em bom estado de conservação. Uma análise mais detalhada será feita por especialistas da Pinacoteca. O diretor do museu, Marcelo Araújo, não deu prazo para que as quatro obras roubadas voltem a ser expostas. As outras três obras roubadas são 'O Pintor e seu Modelo', também de Picasso, 'Mulheres na Janela', de Di Cavalcanti, e 'Casal', de Lasar Segall. Juntas, as quatro estão avaliadas em US$ 560 mil, segundo Araújo.

Segundo o diretor do Departamento de Polícia Judiciária da Capital (Decap), delegado Aldo Galiano Júnior, a obra foi encontrada a partir de investigações sobre uma quadrilha que cometia roubos a residências no Morumbi. Escutas feitas pela polícia na semana passada interceptaram conversas entre integrantes da quadrilha. Um deles teria dito que os objetos roubados nas casas poderiam ser guardados na Favela de Paraisópolis, no Morumbi, onde um “quadro furtado” estaria escondido e a polícia não desconfiava.

A partir daí, os policiais conversaram com moradores e comerciantes, que confirmaram a suspeita. Na sexta-feira da semana passada, após incursão à favela com 42 policiais militares do Grupo de Operações Especiais (GOE) e outros seis PMs, o 34º Distrito Policial (Morumbi) recebeu uma ligação, por volta das 18h30, informando que a gravura estaria na Rua Jocó Salvador Sveibel, próximo ao quilômetro 13 da Raposo Tavares. As informações são do Jornal da Tarde.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG