Funcionários do Detran-RJ são detidos por suspeita de fraude em CNH

RIO DE JANEIRO ¿ Um funcionário do Detran foi preso e outros quatro foram detidos para prestar esclarecimentos, nesta quinta-feira, acusados de fraude na mudança de categoria da Carteira Nacional de Habilitação. De acordo com o órgão, a irregularidade rendeu cerca de R$ 100 mil para os suspeitos.

Redação |

De acordo com o coordenador de inteligência da corregedoria do Detran, Rodrigo Ibiapina, os funcionários usavam a senha de um supervisor demitido no ano passado por suspeita de fraude para acrescentar categorias nas CNH de quem lhes pagasse R$ 1 mil. O procedimento era feito sem que houvesse requisição da realização de exames necessários, como prático e psicotécnico.

Assim, um condutor de automóvel, com categoria B na CNH ganhava a habilitação para moto, caminhão, carreta ou ônibus sem realizar as provas necessárias. De acordo com Ibiapina, foram feitas mais de 100 alterações no prazo de apenas um mês, quando as investigações foram iniciadas.

Os envolvidos na fraude trabalham no Posto de Habilitação do Detran da Barra da Tijuca, situado no terceiro piso do Shopping Cittá América. De açodo com o coordenador de inteligência do Detran, quatro outros funcionários, quatro funcionários, três no posto de Deodoro e um no posto de Madureira, foram identificados como participantes do esquema.

O procedimento de investigação começou com uma comunicação interna realizada no próprio Detran, informando que havia uma fraude. Depois, fizemos uma auditoria e verificamos que a senha de um antigo supervisor, demitido por suspeita de fraude, estava sendo usada irregularmente. Estamos apurando o suposto envolvimento de despachantes nessa fraude, disse o coordenador. O profissional demitido foi identificado como Sérgio Albano Lima Junior.


Leia também:


Leia mais sobre: Fraude

    Leia tudo sobre: detran

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG