RIO DE JANEIRO ¿ Coveiros e funcionários da administração do cemitério São João Batista, em Botafogo, zona Sul do Rio, estão em greve. Eles reclamam que recebem seus salários com atrasos e que alguns encargos trabalhistas não são recolhidos.

Segundo o Sindicato dos Empregados em Instituições Beneficentes, Religiosas e Filantrópicas, até o momento, a Santa Casa de Misericórdia não efetuou o pagamento referente ao mês de abril. De acordo com o vice-presidente do sindicato, Sérgio Antonio, a situação já foi denunciada ao Ministério Público e ao Ministério do Trabalho.

Caso não cheguem a um acordo, os profissionais filiados ao sindicato pretendem paralisar as atividades nesta quarta-feira no cemitério São Francisco Xavier, no Caju, na zona Norte. Os sepultamentos marcados para hoje no cemitério São João Batista serão feitos por funcionários terceirizados.

Leia mais sobre: greves

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.