Um grupo de funcionários e professores da Universidade de Brasília (UnB), em greve há vários dias, faz nesta tarde uma manifestação em frente ao Centro Cultural do Banco do Brasil (CCBB) onde funciona provisoriamente a sede da Presidência da República. O presidente Lula está no CCBB e participa de uma reunião com a diretoria mundial da Ford.

No encontro, a empresa deve anunciar investimentos no País.

A segurança da Presidência foi reforçada. A entrada de toda a área do CCBB foi fechada. A Polícia Militar bloqueou o acesso de veículos.

Os manifestantes, que se encontram fora do CCBB, soltaram fogos de artifícios. Eles reclamam que o ministro da Educação, Fernando Haddad, não cumpriu acordos de reajuste salarial e melhoria no plano de carreira da categoria.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.