Funasa lamenta morte de funcionário em acidente aéreo

A Fundação Nacional de Saúde (Funasa) divulgou, na noite de hoje, uma nota em que comunica e lamenta a morte do técnico de enfermagem João de Abreu Filho, cujo corpo foi localizado hoje pelas equipes de busca da Aeronáutica. O técnico estava na aeronave C-98 Caravan da FAB que fez um pouso forçado em um igarapé na Amazônia na quinta-feira, 29.

Agência Estado |

No documento, a fundação informa que os dirigentes e funcionários da Instituição que se encontram em Rio Branco e Cruzeiro do Sul, no Acre, e em Atalaia do Norte e Manaus, no Amazonas, continuarão nesses municípios prestando todo o apoio e a assistência necessária aos envolvidos no acidente e às ações do Comando da Aeronáutica, até a conclusão das operações.

A seguir, a íntegra da nota:

"Com profundo pesar, a Assessoria de Comunicação e Educação em Saúde (Ascom) da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), órgão vinculado ao Ministério da Saúde, comunica a morte do técnico em enfermagem João de Abreu Filho, cujo corpo foi localizado neste sábado (31) pelas equipes de busca da Aeronáutica.

O presidente Danilo Forte, a diretoria e os funcionários da Funasa prestam, também por meio desta nota, solidariedade à viúva Valderlandia do Nascimento Carvalho e demais familiares de João de Abreu Filho. A Funasa informa que se responsabilizará pelo exame de necrópsia, que será realizado em Cruzeiro do Sul (AC), e pelo funeral, em Atalaia do Norte (AM).

A Funasa comunica, ainda, que os dirigentes e funcionários da Instituição que se encontram em Rio Branco e Cruzeiro do Sul, no Acre, e em Atalaia do Norte e Manaus, no Amazonas, continuarão nesses municípios prestando todo o apoio e a assistência necessária aos envolvidos no acidente e às ações do Comando da Aeronáutica, até a conclusão das operações."

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG