Fumo passivo custa R$ 37 mi por ano ao governo do País

O governo gasta R$ 37 milhões por ano com tratamento de saúde e pensões pagas pela morte de vítimas de doenças provocada pelo tabagismo passivo. Esse cálculo foi feito pelo estudo Impacto do Custo de Doenças relacionadas com o tabagismo passivo no Brasil, pesquisa econômica encomendada pelo Instituto Nacional do Câncer à Universidade Federal do Rio de Janeiro e divulgado hoje pela manhã.

Agência Estado |

O estudo teve como base a estimativa entre "mortalidade atribuível ao tabagismo passivo no Brasil", que calculou que 2.655 não fumantes morrem todo o ano no País em conseqüência de doenças isquêmicas do coração, principalmente enfarte, acidente vascular cerebral e câncer de pulmão - as três principais doenças relacionadas ao fumo. Dos R$ 37 milhões, R$ 19,15 milhões referem-se aos gastos do Sistema Único de Saúde (SUS) e R$ 18 milhões são pagos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG