Frente fria leva chuva para São Paulo após um mês

No Rio, ventos fortes de até 31 quilômetros por hora causaram falta de luz. Tempo seco permanece no Distrito Federal

iG São Paulo |

A frente fria que avança pelo Estado de São Paulo desde a madrugada, gerando nebulosidade e até mesmo chuviscos, provocou queda de 15ºC de sábado para este domingo. Há um mês, não chovia na capital paulista. O Rio de Janeiro tem ventos fortes neste domingo .

Depois dos dias quentes e com umidade relativa do ar baixa, o tempo mudou na capital paulista neste domingo. Segundo o Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Cptec/Inpe), no aeroporto de Congonhas a temperatura registrada às 14h era de 16ºC, enquanto no sábado (04/09), neste mesmo horário, a temperatura era de 31ºC. Ou seja, em menos de 24 horas, a temperatura despencou pela metade e a umidade do ar subiu consideravelmente. Na tarde do sábado, neste mesmo aeroporto, a umidade chegou a 16% e neste domingo o menor valor registrado foi de 59%.

AE
Tempo fechado na avenida Paulista, na região central de São Paulo, neste domingo
As condições do tempo umidificaram o ar em São Paulo, elevando os índices de umidade relativa para cerca de 80% e tirando a capital do estado de atenção, segundo o Centro de Gerenciamento de Emergência (CGE). Com a umidificação, a concentração de poluentes na atmosfera também diminui, melhorando as condições do ar.

Na segunda-feira, a frente fria avança em direção ao Espírito Santo, mas os ventos úmidos e constantes vindos do oceano mantêm o céu nublado com possibilidade de chuvas leves ao longo do dia na Grande São Paulo. A densa cobertura de nuvens e a presença do ar frio mantém as temperaturas baixas durante todo o dia.

Na capital, as mínimas oscilam em torno dos 14°C, enquanto que as máximas não devem ultrapassar os 19°C no período da tarde. No feriado, as instabilidades ganham força, o que pode causar chuvas mais significativas na Região Metropolitana.

Rio de Janeiro

A distribuidora de energia Light informou que já está normalizado o abastecimento de energia nos bairros do Méier, Alto da Boa Vista e Campo Grande, na capital do Estado, e no município de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

Em razão da forte ventania que assolou o Rio de Janeiro desde a madrugada, vários trechos desses locais ficaram sem luz neste domingo. A assessoria da Light explicou que a falta de energia foi provocada pela queda de galhos de árvores na rede elétrica e que foram ocorrências isoladas.

A ventania precedeu a mudança de temperatura no Estado, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). O tempo está parcialmente nublado, com chuvas em áreas isoladas. Na capital fluminense e no Grande Rio, a temperatura entrou em declínio, com máxima prevista de 27ºC e mínima de 17ºC no período.

Distrito Federal

O tempo seco permanece no Distrito Federal. Neste sábado, foi registrado o dia mais seco em seis anos. A umidade relativa do ar chegou a 12%. Segundo as previsões do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o recorde pode ser batido neste domingo. Durante a manhã de ontem, a umidade estava em 21%. A manhã de domingo já estava em 18% e a tendência é que ela caia ainda mais durante a tarde. Até o dia 20 de setembro, não há nenhuma previsão de chuva na região.

    Leia tudo sobre: São Paulotempo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG