Duas garotas, de 11 e 12 anos, que vivem nas ruas da Bahia, foram obrigadas a limpar o muro que picharam com palavras de baixo calão, em um supermercado na cidade de Barreiras. Escoltadas por policiais militares, elas também tiveram que lavar o piso com as mãos.

Futura Press

Leia mais sobre: pichação

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.