Fogo é controlado no Parque Nacional de Brasília

Incêndio destruiu área calculada em 12 mil hectares, pouco mais de um quarto dos 42 mil hectares do parque

Agência Brasil |

O incêndio no Parque Nacional de Brasília foi controlado às 3h da madrugada de hoje (21), após destruir uma área calculada em 12 mil hectares, o equivalente a pouco mais de um quarto dos mais de 42 mil hectares do parque. A equipe formada por 300 bombeiros e 50 brigadistas do Instituto Chico Mendes de Biodiversidade (ICMBio) continua no local.

Segundo o coronel do Corpo de Bombeiros, Paulo Roberto, o trabalho agora é tão importante quanto a contenção das chamas. “A situação está controlada. Estamos fazendo o trabalho de rescaldo, prevenção e observação para evitar que as chamas retornem. A seca continua e é preciso ter muito cuidado”, explica.

O governador do Distrito Federal, Rogério Rosso, decretou ontem (20) situação de emergência ambiental em função do incêndio e da baixa umidade relativa do ar. A determinação deve ficar em vigor por 60 dias, contados a partir de hoje.

AE
Parque Nacional de Brasília é atingido por incêndio (20/09/2010)
O incêndio teve início na manhã de domingo (19). O forte vento e a seca contribuíram para que o fogo se alastrasse de forma rápida. Em apenas um dia, o tamanho da área destruída foi aproximadamente o mesmo registrado no último grande incêndio ocorrido no parque em 2007 e que durou uma semana.

Os três helicópteros que atuam na operação fazem sobrevoos para avaliar a extensão da área comprometida com as queimadas e observar qualquer novo foco de incêndio.

O Parque Nacional de Brasília é uma das áreas mais importantes para a preservação da fauna e da flora do Cerrado. No local existem diversas espécies de animais em extinção como o lobo-guará, o tatu campestre e o o tamanduá-bandeira.

    Leia tudo sobre: incêndiofogoparque nacional de brasília

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG