Fogaça diz que não foi convidado para evento com Lula

O prefeito de Porto Alegre, José Fogaça (PMDB), informou, por meio de nota, que não recebeu convite oficial ou por meio de telefonema da Presidência da República para participar hoje do evento com Lula em Sapucaia do Sul, na região metropolitana. Lula esteve na cidade para o lançamento das obras da BR-448, que terá traçado de 22 quilômetros entre Sapucaia do Sul e Porto Alegre.

Agência Estado |

Na nota, a prefeitura lembrou que Fogaça esteve presente em todos os eventos dos quais Lula participou na capital e afirma que ele também iria a este se fosse convidado. Fogaça acompanhou Lula, em junho, no lançamento do programa Território da Paz em um bairro popular na zona leste de Porto Alegre.

Lula chamou atenção, durante discurso hoje, para as ausências do prefeito e da governadora do Rio Grande do Sul, Yeda Crusius (PSDB), no evento de assinatura da ordem de serviço da BR-448. "Lamentavelmente, eu gostaria que estivessem aqui neste palanque a governadora e o prefeito", disse Lula.

O governo do Estado ainda não comentou a cobrança do presidente. Yeda vive fase política conturbada em que enfrenta uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) na Assembleia, que investiga supostos atos de corrupção envolvendo agentes públicos, e um pedido de impeachment em tramitação no Legislativo. A governadora também é alvo de ação de improbidade administrativa movida pelo Ministério Público Federal.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG