Fiocruz examina 4 por suspeita de gripe suína no RJ

Quatro pessoas, além do casal internado no Hospital Copa DOr que pode ter contraído gripe suína numa viagem ao México, estão sendo examinadas pelo Instituto de Pesquisas Evandro Chagas Filho (Ipec), da Fundação Oswaldo Cruz, no Rio. Elas voltaram recentemente de viagens às áreas atingidas (Canadá, México e EUA) e apresentaram sintomas de gripe.

Agência Estado |

Duas delas passaram por exames clínicos que descartaram a possibilidade de gripe suína e já foram liberadas. Outras duas ainda estão sendo aguardadas no Ipec, que deve soltar um boletim no final do dia com o balanço dos casos examinados.

Ontem, o Ministério da Saúde divulgou um balanço em que apontava que 11 pessoas estavam sendo examinadas no País com a suspeita de gripe suína. Hoje, dois novos casos suspeitos - um em Salvador e um de uma passageira que desembarcou no Rio vinda de Miami - também estão sendo avaliados.

No mundo, a doença já teve casos confirmados em sete países: México, Estados Unidos, Canadá, Espanha, Reino Unido, Nova Zelândia e Israel. No México, foco da doença, 152 pessoas morreram com suspeita da gripe. Ontem, a Organização Mundial de Saúde (OMS) elevou para 4 o nível de alerta por conta da doença. Caso atinja os níveis 5 e 6 de alerta, a doença passa a ser considerada uma pandemia, ou epidemia generalizada.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG