Filmes baseados em obras de Machado de Assis são exibidos em São Paulo

SÃO PAULO - Em comemoração ao dia da Consciência Negra, acontece no Centro Cultural São Paulo, até o próximo domingo, uma mostra de filmes baseados na obra do escritor Machado de Assis (1839-1908). A entrada é gratuita.

Da Redação do Último Segundo |

Considerado o maior escritor brasileiro, Machado teve várias obras adaptadas para as telas. A retrospectiva reúne desde adaptações para os cinemas (como "Dom" e "Capitu", baseados em "Dom Casmurro") e também para a televisão, como o primeiro capítulo da novela "Helena" e episódios dos programas "Você Decide" e "Caso Especial".

A mostra é uma boa opção para comparar versões fiéis com outras bastante livres da obra do autor. No primeiro time, estão filmes como "Capitu", dirigido por Paulo César Saraceni em 1968, e "Memórias Póstumas", elogiada produção de 2000 de André Klotzel. No segundo, o experimental "Azyllo Muito Louco", a lisérgica visão de Nelson Pereira dos Santos para o mais famoso conto de Assis, "O Alienista".

Além dos filmes, a mostra terá dois debates, um sobre a condição de escritor afro-brasileiro de Assis e outro sobre as adaptações audiovisuais de suas obras. Haverá ainda uma intervenção cênica da atriz Lizette Negreiros, com leituras dramatizadas de obras de Machado e de poemas de outros autores negros).

Todos os eventos têm entrada gratuita e acontecem no Centro Cultural São Paulo (Rua Vergueiro, 1000, Paraíso). Veja abaixo a programação no site oficial do Centro Cultural .

    Leia tudo sobre: dia da consciência negra

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG