Filme sobre seqüelas da guerra da Bósnia abre Festival de Cinema de Sarajevo

O filme bósnio Snow sobre as seqüelas da guerra vivida por essa ex-república iugoslava entre 1992 e 1995 inaugurou hoje a décima quarta edição do Festival de Cinema de Sarajevo.

AFP |

Um total de 174 filmes procedentes de 40 países serão projetados durante nove dias; a edição de 2007 atraiu mais de 100.000 pessoas.

Só dez filmes produzidos nos países do sudeste da Europa competirão no certame, dotado com um prêmio de 25.000 euros (37.000 dólares) para o melhor filme e outros de 2.500 euros para os melhores ator e atriz.

O diretor turco Nuri Bilge Ceylan, ganhador do prêmio de melhor diretor no Festival de Cinema de Cannes (França) deste ano, é o presidente do júri, que também concederá seu próprio prêmio especial dotado com 10.000 euros (15.000 dólares).

O evento também inclui seções paralelas de documentários e curta-metragens, cada uma delas com prêmios de 3.000 euros.

O Festival de Sarajevo começou pouco antes de terminada a guerra da Bósnia, como um ato de resistência. Com o passar dos anos tornou-se a competição cinematográfica mais importante do centro-leste da Europa.

A cada ano conta com a presença de numerosas estrelas. Este ano está prevista a participação do ator americano Kevin Spacey, do diretor Charlie Kaufman e dos realizadores britânicos Mike Leigh e Sharon Maguire.

"Snow", escrito e dirigido por Aida Begic, foi a revelação da Semana Internacional da Crítica do Festival de Cannes deste ano.

sar/zbl/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG