Horizontes de Veneza - Brasil - iG" /

Filme mexicano é exibido na seção Horizontes de Veneza

VENEZA ¿ O filme mexicano Voy a explotar, segundo longa-metragem de Gerardo Naranjo e co-produzido por Gael García Bernal, teve uma recepção calorosa na seção Horizontes da 65ª Mostra Internacional de Cinema de Veneza.

Agência Ansa |

Os aplausos mostraram que o público aprovou a história de dois adolescentes que fogem da casa dos pais para viverem uma relação amorosa que termina em tragédia.

Naranjo é um cinéfilo que, após passar pela crítica cinematográfica, estudou direção no American Film Institute e dirigiu o seu primeiro longa-metragem em 2006, "Drama/Mex". O seu trabalho mostra a mesma paixão dos personagens principais com uma câmera nervosa e em movimento, enquanto o casal de jovens atores, Marís Deschamps e Juan Pablo de Santiago, dão vida a Maru e Román, amantes malditos que não poderão realizar a sua história de amor devido a uma série de circunstâncias.

Román é um estudante com tendências agressivas que acusa seu pai, um deputado hoje de direita, mas antes um estudante comunista, de ter matado sua mãe em um acidente de carro. As fantasias homicidas e suicidas do personagem são características de Román que atraem Maru, que busca alguém que a ajude a se libertar do ambiente burguês em que vive.

Leia mais sobre: Festival de Veneza

    Leia tudo sobre: festival de venezaméxico

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG